Páginas

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Juros a subirem e Evo Morales sem descer

Agora é que fizeram bonito. Como se não bastasse um governo em debandada, ainda temos a Bolívia a cair-nos em cima porque alguém assumiu (e, como diz alguém que conheço, «assumption is the mother of all fuck ups») que vinha a bordo do avião do Presidente colombiano esse grande criminoso internacional, Edward Snowden.

Cá para mim, há aqui um grande equívoco, nunca se viu um criminoso com cara de copinho de leite e que usasse óculos. Só isso devia ser suficiente para fazer o Governo Português querer pegá-lo ao colo em vez de o mandar à sua vida.

E esta observação dos óculos tem fundamentos. Os criminosos não usam óculos porque atrapalham na hora de cometer os crimes. Os óculos partem-se, caem, embaciam-se e sujam-se quando tentamos matar pessoas e fugir e assim.

O único tipo de criminoso que pode usar óculos é o chamado de «colarinho branco». Esses não precisam de se preocupar, nunca precisam de sujar as mãos e nunca se viu um que tivesse que correr, sem ser por desporto.

Ainda assim, não discordo da possibilidade de ter que rever a minha teoria. É que ela não considera esse novo crime que é falar, ou melhor, falar a verdade e, sendo assim, ponham-se a pau os copinhos de leite. É melhor tirarem os óculos, porque, provavelmente, vão ter que correr.